terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Olhos para ver

Percebi que falo muito, e que são poucos que me ouvem e muito menos os que me entendem...
Percebi que observo demais, para saber oque falar ou agir na hora certa, mas que nunca me perguntam ou as oportunidades não aparecem.
Percebi que penso demais, e que muitas vezes a minha cabeça imagina coisas que crescem a ponto de se transformarem em medo de algo inexistente.
Percebi que ando mórbida, mas das vezes em que me mexi e me empolguei, um balde de agua gelada foi jogada em minha cabeça, me deixando sem ação.
Percebi que ainda há tempo para realizações, mesmo tendo tantos jovens ao meu redor fazendo as coisas acontecerem.
Percebi que tenho coisas que muitos não tem, e são coisas tão comuns que qualquer um pode ter mas não tem.
Percebi que certas coisas valem a pena enquanto que para muitos nem sabem o significado.
Percebi que sou capaz de muitas coisas que não estão escritos em qualquer livro de aptidão, mas são notáveis pela capacidade de conseguir executar.
Percebi que a motivação maior está no sonho, o sonho de deixar um legado.
Percebi que o tempo passa, e rápido, mas nunca é tarde.
Percebi que não vale a pena ficar irritada por coisas que ninguém liga, ou, se liga,é pelo lado errado.
Percebi que é bom ter exemplos, modelos,ídolos para se espelhar e melhorar, não imitar para ocupar um lugar que não lhe pertence.
Todos temos nosso lugar, nossa hora de brilhar, nosso sonho, nosso amor, nosso desejo, nossa vontade, nossa semelhança, nossa vida. E não somos robos. Somos diferentes um do outro. Ainda bem!

4 comentários:

  1. Caramba! Mandou muito bem nesse post!
    Me deu material para pensar a semana inteira! =)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Eli,
    concordo com o Paulo, esse post nos propõe uma reflexão séria sobre a vida e sobre nós mesmos!
    Brilhe sempre e viva seus sonhos...
    " Percebi que os baldes de água fria é só água que escorre e limpa e me faz nova de novo... Pronta para recomeçar! "

    Felicidade Sempre para você!
    Bjão!
    ^^

    ResponderExcluir
  3. Q bom q gostaram! Paulo, tem hr q agente só ve o lado ruim, ne? Pri, muito bem colocado,Alma limpa!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Eli,

    Gosto da reflexão!

    E o fluxo da materialização do pensamento no torvelinho das letras!
    Quase como uma poesia, entretanto, a rima está na compreensão!
    Tão distinto, único, e adoça nossas idéias tão simplesmente como açúcar na água! Acalma!
    Impulso para meditação!
    ...a gente fica imaginando, pois olha...!

    Ela tem razão!

    Bom de ler! :)

    ResponderExcluir

Fico feliz em compartilhar meus pensamentos com vocês.
Obrigada por deixar seu comentário!