terça-feira, 31 de agosto de 2010

Ashita ga aru

明日がある明日があるさ
若い僕に夢がある









De vez em quando ouço essa música, e de certa forma, ela da uma certa energia tipo ¨bola pra frente¨!

元気をだしましょう!

明日があるさ明日がある
若い僕に夢がある
いつもきっと いつもきっと
わかってくれるだろう
明日がある 明日がある 明日があるさ
Ashita ga aru asu ga aru
Wakai boku ni yume ga aru
Itsuka kitto itsuka kitto
Wakattekureru darou
Ashita ga aru ashita ga aru ashita ga aru sa










Aru hi totsuzen kangaeta
Doushite ore wa ganbatterun darou?
Kazoku no tame? Jibun no tame?
Kotae wa kaze no naka

Ashitaga aru ashita ga aru ashita ga aru sa

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Mudanças

Mudando a cara do blog!

Ainda acho que o blog não esteja com o visual que me agrade, porisso estou tentando, tentando, até achar um que seja a minha cara.

Até a próxima mudança!


bjos

Sonhos






Na minha adolescencia, lembro de querer abraçar o mundo e consertar coisas erradas, como a fome e pobreza.

Na ânsia de abraçar o mundo, andei por caminhos que cada vez mais me mostrava existir um mundo melhor, até de luxúria, como nas novelas globais.

Tentei, cheguei a ir para a cidade grande, onde pretendia estudar e trabalhar. Consegui um emprego numa multinacional, que incluia até o restaurante Terraço Itália no grupo da empresa, um luxo!
Fiz vestibular, entrei na faculdade como sempre sonhei.
Nesse meio tempo casei, larguei tudo e acabamos voltando para o interior de São Paulo.
Depois de alguns anos, resolvemos vir ao Japão.

Uma história comum.

Tenho visto muita gente se destacando na net.
Conhecendo alguns, fico até admirada por serem jovens e até saberem usar corretamente o português!
Animados, educados, jovens e principalmente Empreendedores!

Oque eles fazem diferentes do que eu fiz?

Simples: conseguiram se destacar por estarem no lugar certo, na hora certa e perceberam a oportunidade!

Enquanto que eu fiquei apenas na vontade, sem procurar, sem sair do lugar, esperando que alguém batesse em minha porta e oferecesse o mundo, o tempo passou...
Quantas e quantas vezes me vi insatisfeita com oque possuía por não saber onde ir e oque fazer, pois meu lado curioso e empreendedor vira e mexe voltava...
Mas, apesar de já ter passado um bom tempo, ainda tenho meus sonhos. E preciso resgatar o espírito empreendedor da época de adolescente, para que possa dar prosseguimento.

Por isso digo: não deixe para depois, saia, procure, viva enquanto houver sonho, pois é oque move o ser humano para seguir em frente!
Tenho certeza que tudo sempre há possibilidades, se não for aqui, pode ser ali.

E estou seguindo o caminho, vendo exemplos nessa nova geração!

domingo, 22 de agosto de 2010

Eu!



Quem quiser ouvir que ouça, essa sou eu!




Algumas coisas não tem como engolir!




Não me venha com ar de boazinha, não estou acostumada a receber paparicagem.


Não pergunte minha opinião porque sei que nada valem.


Não fique dando de boazinha na minha frente, pois meu sexto sentido diz que há falsidade atrás disso tudo.


Não sei fazer nada que possa agradar as pessoas, dar o ¨sabisu¨ para me mostrar boazinha e prestativa.


Não adianta querer fazer com que me sinta importante, pois ao contrário, vai me fazer sentir uma perfeita idiota.


Não queira se mostrar me fazendo de líder porque sou grossa e direta e gosto que minhas idéias sejam seguidas à risca.


Não queira se mostrar na minha frente.


Nem seja ridículo me dando indiretas e cutucadas.


Não faça coisas que eu desconfie que está sendo feito pelas minhas costas.






Meu jeito direto e sincero aparece na cara.


Preciso me segurar para não dar uma de grossa.




Minha empolgação quando é grande, me dedico demais! Ajudo, colaboro, faço a minha parte e muito mais.




Mas quando sinto traída,desconfiada...nessa hora melhor me deixar sozinha!


Não pergunte nada, não me dirija a palavra, não venha com ar de samaritano.


Nessa hora a decepção e a raiva se misturam e viram um monstro difícil de segurar.


E faço ouvir meus berros!




E ai daquele que me cutuca com indiretas!!!


Com certeza vou emitir tanto veneno (com minha raiva) que levarei tempo para superar.




Meu pé no chão de virginiana não deixa com que eu sinta a leveza. Me faz muito realista.


Não deixa que me sinta uma vencedora no silencio.


Não deixa que eu sorria nessa hora.






Mas tenha certeza: estou treinando, treinando!




Uma vez, num cursinho da igreja católica onde batizamos nossa filha, a irmã Mori disse: nessa hora é porque olhamos no espelho e não gostamos de ver a nossa própria imagem.


E isso me fez pensar sempre que tem razão.


O espelho é algo que nos miramos para ver a nossa própria imagem. E quando não gostamos, encontramos várias desculpas e defeitos.




Quando gostamos da pessoa, é fácil sorrir!


É fácil agradar, ajudar, ouvir...




Há horas em que temos que enfrentar de frente e reavaliar nosso conceito sobre a pessoa.


Já consegui várias vezes. Foi bom ter me segurado e não ter sido grossa naquele momento.


Afinal, podemos ter a primeira impressão da pessoa erroneamente e nisso acabamos magoando a pessoa de uma certa forma que não tem como corrigir, por mais que tentemos.




Porisso sempre dou um tempo. E lembro sempre que posso estar olhando no espelho! Posso estar fazendo a mesma coisa. Posso estar sendo exatamente como fulano.




E se tenho essa impressão das pessoas, por que não terem de mim?




Sorrir é o primeiro caminho.


Mesmo sendo difícil, pelo menos estou treinando.


Escuto, converso, dou atenção.


Seria mais fácil me afastar, mas estaria fugindo.


E tento entender oque há de errado comigo.


E deixo o tempo para que me mostre a verdade.




Agradeço sempre por novos amigos lembrarem de mim.


Afinal, eu sendo um João Ninguém, oque teria para oferecer senão amizade e carinho?




Mas pode ter certeza que melhorei muito nesses últimos anos.


E oque tiver que aprender, será dado por Deus a experiência necessária para lapidar o diamante que existe em mim.


E quanto mais fujo, pior para mim mesma.


Nessa hora exemplos de amigos é muito importante.


Então, vou mais é enfrentar de frente, analisar meus sentimentos e superar essa experiência.












sábado, 21 de agosto de 2010

A Dona da História

Quem nunca pensou: se naquele dia não tivesse feito tal coisa... ou se no passado não tivesse ido tal lugar, conhecido tal pessoa, etc?
Com certeza mudaria o rumo de onde estamos hoje!
Como no filme ¨De volta ao futuro¨.
A frase: se eu pudesse voltar ao passado... não deveria ser dita nunca!

O filme que posto hoje já vi 3 vezes!
Ele é mais perto da nossa realidade, a realidade pós ¨e viveram felizes para sempre¨
A nossa realidade de adolescente sonhadora e maturidade realista.
Ri quando identifiquei alguns trechos com a minha realidade! Acho que qualquer pessoa poderá se identificar em alguns trechos.

Sem contar que ver Antonio Fagundes e Marieta Severo é sempre muito bom!

Mas o final, afinal, é que estamos onde deveríamos estar!
Não tenha dúvida sobre isso!





Postei esse filme pois me indicaram 2 filmes hoje e não poderia deixar de indicar, apesar do filme ser antigo.

Balada do Louco

Para espantar um pouco a sombra negra!






Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz

Eu juro que é melhor
Não ser o normal
Se eu posso pensar que Deus sou eu




É isso aí!
Ser Feliz é ser oque deseja ser do modo que quer ser.

Sou normal!

Pois é, um daqueles dias que não sei oque incomoda...
Estava até mesmo disposta a postar um certo tema que me veio à cabeça, quando vi um post novo da Flávia Shiroma que me chamou a atenção e até me deixou de certa forma aliviada por me sentir um pouco mais normal.

Quando acontece de percebemos isso, a sensação de ser inútil e boba é tão grande, que o mundo fica pequeno para enfiar a cabeça e esconder.

Essa insegurança chega numa hora em que estamos fragilizados por outros motivos.

E digo mais: hormonios femininos são uma M....! Quando faltam descontrola tudo!

Pior ainda quando a neura ataca.
Achar que existe um culpado para isso é só uma desculpa! (Não digo no caso da Flavia!!!)

Melhor sair e viver!
Tanta coisa boa lá fora, né?

Sïmbora então viver!


Ps.: Um dia perguntei a uma amiga: Você sente ciúmes quando alguém se aproxima de suas amizades? Ela me respondeu que sim! Então também sou normal.

sábado, 14 de agosto de 2010

Treinando, treinando...

Há algum tempo me veio à memória um trecho que li num dos livros de Chico Xavier.
Hoje procurei nos livros que tenho, mas não encontrei.
O trecho contava a seguinte história:

¨Chico Xavier sempre fazia doações de cesta básica a famílias carentes.
Quando isso acontecia, a fila de família carente era enorme.
Num certo dia, um dos colaboradores, chegou até o Chico e disse:
-Chico, na fila encontra-se fulana que todos nós sabemos não precisa da cesta básica!
Chico simplesmente olhou para o colaborador e disse:
-Não se preocupe, amigo, ela está treinando, está treinando.¨




O trecho no livro não está narrado desta forma, mas o conteúdo dizia isso.
Procurei o livro para poder transcrever corretamente, mas não encontrei. E para procurá-lo, acabei revendo outras histórias que um dia posto aqui.


No fundo, todas as experiências que temos durante nossa vida, uma hora será exatamente necessário para que o coloquemos em prática.
Durante uma crise por exemplo.

Saber que não há como fugir de nossos compromissos nos deixa um pouco apreensivos, mas sempre digo: Deus nunca dá a nós uma cruz maior do que possamos carregar!

Por isso, há coisas inevitáveis. Não há como fugir de uma experiência que será benéfico para podermos atravessar a ponte que liga à solução.

Outro trecho de livro que me vem sempre é do Paulo Coelho ( Manual do Guerreiro da Luz) que diz:
¨As coisas tende a acontecer até que você aprenda alguma coisa com ela.¨

É como uma prova na escola, ou seja, você terá que repetir de série até que suas notas estejam boas.


Então, por que não aproveitarmos para treinar, estudar oque está acontecendo na vida para que não esteja dessa forma que você não quer?

Se está assim, com certeza alguma coisa você deixou de captar.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

USA for Africa - We Are The World (w/M.Jackson) + Lyrics HQ



Hoje, não sei por que, no youtube andei olhando algumas musicas, que aos poucos iam ligando com outras e outras até que cheguei nesse.
Há muito tempo não ouço, mas não sei por que hoje cliquei nele e comecei a prestar atenção na música e no vídeo.
Foi uma campanha bonita, em prol da fome da África em meados de 80. Lembro que não parava de passar na tv, em todos os programas musicais da época.

Mas oque me chamou atenção hoje foi que, mesmo sabendo que muitos artistas participaram, as vozes me deram um certo ar de nostalgia.

São meus ídolos de adolescencia. Não tem como esquecer a voz que tanto marcou. Mas, alguns, pra ser sincera, não me vinha à memória.

Tive que recorrer ao Wikipédia para lembrar dos nomes.
Eis os integrantes:

Dan Aykroyd
Harry Belafonte
Lindsey Buckingham
Kim Carnes
Ray Charles
Bob Dylan
Sheila E.
Bob Geldof
Daryl Hall
James Ingram
Jackie Jackson
LaToya Jackson
Marlon Jackson
Michael Jackson
Randy Jackson
Tito Jackson
Al Jarreau
Waylon Jennings
Billy Joel
Cyndi Lauper
Huey Lewis
Kenny Loggins
Bette Midler
Willie Nelson
John Oates
Jeffrey Osborne
Steve Perry
The Pointer Sisters
Lionel Richie
Smokey Robinson
Kenny Rogers
Diana Ross
Paul Simon
Bruce Springsteen
Tina Turner
Dionne Warwick
Stevie Wonder

É óbvio que maioria são vozes marcantes, pois fizeram parte da minha adolescencia!
Você seria capaz de lembrar de todos?

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Seja e aconteça!

Um dia agente acorda com a sensação que não deveria sair da cama...
E assim começa mais uma jornada rotineira, a contar do momento em que coloca-se o pé no chão.
Parar é impossível, mas...hoje não posso ficar na cama?
Hoje posso ficar à toa, sem horário, sem obrigações?
Certo, há coisas que realmente dependem de mim, e se eu parar, a coisa não anda.
Então, bola prá frente!

Esqueça oque te decepcionou, pois isso ocorre por você estar despreparada.
Esqueça o cansaço, pois muitas pessoas de sucesso não conhecem essa palavra.
Esqueça a fraqueza, pois diante do obstáculo teremos muito mais chances de ver onde consertar.
Esqueça a raiva, pois usado negativamente só prejudica a si mesmo.

Esqueça oque te faz infeliz. Substitua tudo por amor, felicidade, saude, paz e sucesso.

Lembre-se que você tem a ferramenta para fazer tudo isso a seu favor.
Lembre-se que oque aprendeu tem que ser útil agora que precisa.
Lembre-se que a felicidade está pertinho, e só enxergará ao mudar o foco da sua lente.

Visualize sua meta, seu desejo, sua felicidade. Isso te levará onde queres chegar.
Não espere dos outros oque você mesmo pode fazer.
Divida as tarefas que outros podem ajudar.
Compartilhe suas idéias com alguém que esteja entre as pessoas que você admira.
Faça uma lista.
Lista de meta.
Lista de amigos.
Lista de tarefas.
Lista de desejos.
Lista de realizações.



Imagine-se já com tudo isso conquistado!
Imagine-se na plenitude da felicidade ao realizar!

Mas não pare quando chegar no topo. Escolha outra montanha para escalar.
Senão...depois disso tudo, a vida perde o sentido!

Hoje correndo atrás do objetivo.
Amanhã objetivo realizado.
Depois de amanhã traçando novas metas.



Que não seja ilusão aquilo que você deseja.
Que não seja em vão a luta que trava hoje.

foto gentilmente cedida por@preda

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Chinelos Bordados

Já há muito tempo ganhei um desses chinelos.
Um luxo para um simples chinelo.
Que tal?




Para ir a qualquer lugar sem ser relaxada.
E oque é melhor: conforto para o pezinho cansado do saltinho de ontem.





São confeccionados à mão, criatividade sem limite.




Sucesso no Brasil.
Gostou?